Weby shortcut
LAI.Inauguração 2

UFJ inaugura Laboratório de Acessibilidade Informacional

Criada em 17/10/19 15:33. Atualizada em 17/10/19 17:08.

O LAI funciona da Biblioteca Flor-do-Cerrado e atenderá toda a sociedade

Foi inaugurado neste dia 17 de outubro o Laboratório de Acessibilidade Informacional (LAI). O LAI tem como objetivo de oferecer serviços e equipamentos de tecnologia assistiva para pessoas com deficiência.

O benefício, adquirido através de recursos advindos do Ministério Público do Trabalho (MPT), Procuradoria do Trabalho da 18ª Região do município de Rio Verde, contempla diversos equipamentos que permitem um maior acesso à informação para pessoas com deficiência – scanners, óculos, lupas, equipamentos para produção de material em Braile, entre outros.

LAI.Inauguração 6
Impressão em relevo 
LAI.Inauguração 1
Digitação em  Braile 

Estiveram presentes na inauguração do espaço representantes da Prefeitura Municipal de Jataí e da Câmara de Vereadores; Tiago Siqueira Barbosa Cabral, Procurador do Trabalho; da Pró-Reitora de Graduação da UFG, professora Jaqueline Araújo Civardi; a Diretora do Sistema Integrado de Núcleos de Acessibilidade (SINACE), professora Ana Claudia Antonio Maranhão Sá; a Coordenadora do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão da REJ/UFG, professora Alana Romani; a Coordenadora de Graduação da REJ/UFG, professora Sandra Benite Ribeiro; o vice-Diretor, professor Fernando Paranaiba Filgueira e o Diretor da REJ/UFG, professor Alessandro Martins; entre outros servidores docentes e técnico-administrativos, discentes e convidados.

LAI.Inauguração 2
Alessandro Martins destacou a ação conjunta para implantação do espaço 
LAI.Inauguração 3
Ana Cláudia Sá apontou a importância do LAI para a sociedade do Sudoeste Goiano 

Durante a cerimonia a Diretora do SINACE, professora Ana Cláudia Sá, destacou a importância do espaço e de seus equipamentos para a inclusão das pessoas com deficiência e das possibilidades geradas a partir disso. Para o procurador do MPT, Tiago Siqueira Barbosa Cabral, o espaço é a “materialização da isonomia” e que se sentia honrado em contribuir para que a inclusão seja ampliada em todos os espaços cada vez mais.

Alessandro Martins, Diretor da REJ/UFG, destacou o trabalho realizado em parceria com o MPT, o SINACE, o NAI e a Biblioteca Flor-do-Cerrado para a viabilização e implantação do espaço que tende a torna-se referência na área no estado de Goiás.

LAI.Inauguração 4
O representante do MPT 
lai
Durante a cerimônia os presentes puderam conhecer e testar todos os equipamentos 

Categorias: notícias